MEATFINDER MOSTROU INOVAÇÃO NO MERCADO DA CARNE NA SIAL SHANGHAI 2019

2019-05-24

MEATFINDER MOSTROU INOVAÇÃO NO MERCADO DA CARNE NA SIAL SHANGHAI 2019

Com o final demais uma edição da feira SIAL China no último dia 16 de maio na cidade de Shanghai, mais um marco importante se estabeleceu para Meatfinder em sua ascensão ao mundo dos grandes players de comércio eletrônico B2B. Um projeto ousado que está em seu terceiro ano de atuação está transformando a forma de comercializar carnes importadas na China.

Neste ano a feira ocupou 14 pavilhões do Shanghai New International Expo Centre (SNIEC) com 162 mil m² de área de exibição e 3400 empresas representando 67 países onde circulam 110 mil profissionais da área de alimentação e afins nos 3 dias da feira. Este show ganha importância ano a ano no setor de alimentos, especialmente para a carne, sendo que nesta edição a feira atingiu uma proporção 23 vezes mais que a primeira edição em 2000.

A Meatfinder esteve presente com uma equipe sino brasileira experiente e conhecedora do mercado, participou com estande próprio, com design ousado, mostrando a modernidade da marca e do setor de e-commerce. Esteve sempre bem frequentado por fornecedores e clientes da empresa e muitos novos fornecedores e compradores interessados em saber o que fazia aquele smartphone imenso no estande. Pela primeira vez em uma feira, a Meatfinder trouxe a disponibilidade para o cliente de negócios, comprar o seu produto na feira de forma rápida e segura, como pagar as compras via Wechat Pay, o meio de pagamento mais popular na China e também mais conveniente e segura para os chineses comprarem no mundo digital, e retirar no mesmo dia em um dos armazéns em Shanghai, tudo isto assistido por uma equipe preparada para ensinar e auxiliar aos clientes para comprar na e-plataforma da Meatfinder. Esta foi a grande novidade na feira, outras inovações estão programadas para acontecer ao longo do ano. Desta mesma forma que disponibilizou na feira, a Meatfinder tem na ponta dos dedos dos seus clientes um estoque de cortes de carne bovina importados para que o cliente possa de maneira segura e conveniente comprar a carne para seu negócio ou indústria e, tê-la com rapidez sem esperar todo o processo de importação.

Não há dúvida que o mercado chinês está muito aquecido com relação a demanda por carnes, com o aumento da renda da população chinesa, facilmente percebida nas ruas de Shanghai e outras cidades importantes do país onde, mesmo coma economia crescendo a um ritmo de menos de dois dígitos como era a 7 anos atrás, continua sua forte expansão que se reflete no consumo e importação de carnes. A China sozinha foi responsável por mais de 80% do aumento da exportação de carne bovina no mundo em 2018 onde o consumo per capta também aumentou para aproximadamente 4,33kg/ha/ano com relação a 2016 que era de 4,2kg/há/ano e continua firme em 2019. A importação de carne bovina pela China não para de crescer, em 2018 o volume importado foi de 1,041 milhão de ton com crescimento de 48% sobre o volume de 2017. A importação chinesa vem de vários países, dentre eles se destaca o Brasil que ocupou o primeiro lugar na participação deste volume com 31% e 322,7 mil ton em 2018, o segundo maior é o Uruguai com volume de 218,5 mil ton e Argentina com 180 mil ton, depois seguem respectivamente Austrália e EUA, sendo este último extremamente prejudicado pela guerra comercial que trava com a China no momento. Para 2019 a expectativa de importação de carne bovina pelos chineses é de 1,32 milhão de ton.

Fontes: USDA, MAPA, Rabobank, Scot Consultoria, China Customs, Meat International Group(China), APEX, ABIEC

Posts Relacionados